.Filosofias Recentes

. Eu ainda estou aqui

. Sobre o que perdi

. Wordporn

. Without Fear

. #rafaenmadrid

. State of flux

. É uma loucura...

. Deixa

. Say what you need to say

. Boa viagem ... Boa sorte!

. Restart

. Fim do vinte dezoito...

. Geronimoooo!!!

. Bipolaridade

. Razões ...

. Because you are dear to m...

. O lado feliz

. Certa e acertada

. Equilíbrio

. Lost

. Mais ou menos

. Dar (mais) certo

. Errado

. Let it all go

. My dumb opinion...

.Filosofias Passadas

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Junho 2019

. Abril 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Janeiro 2018

. Agosto 2017

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2004

As perguntas fatais

Existem perguntas muito complicadas, mas as feitas pelas nossas namoradas são as mais difíceis de todas!!!

A resposta certa vale um dia de paz e sossego, talvez até com umas brincadeiras incluídas… a resposta errada vale uma boa briga, um choro e meu amigo uma prenda de reconciliação! Todas as perguntas já tem uma resposta exacta… então após ter escolhido o tema ela formula a questão, o que faz lembrar?!? Um teste, isso mesmo, nada mais, nada menos…. E garanto que tem pontuação e tudo!!!

- “Então gostas do meu novo penteado?” – Sabemos lá que ela foi ao cabeleireiro (a conta ainda não caiu no nosso MB), e depois cortar as pontas não é algo que um homem note…

- “Preferes o azul turquesa ou o azul marinho?” – A nossa visão não é que nem o arco-íris, só temos uma tonalidade de azul… o azul do F.C.P. e pouco mais, o vermelho do S.L.B e o verde do S.C.P!!!

- “Queres ir jantar ao italiano ou chinês?” – Esta então é uma armadilha…

se responde chinês e ela queria italiano a resposta vai ser “chinês, num dia tão especial como este tu queres ir ao baratinho do chinês? Sempre a mesma coisa, não ligas nenhuma aos meus sentimentos”, e lá vem uma boa briga!
Se responde italiano e acerta “italiano, de certeza que queres o italiano”, e lá ficamos nós na dúvida do que ela quer… e se muda volta para a situação atrás descrita, se acerta passou com distinção!

Não era bem mais fácil dizerem logo que queriam ir ao italiano?!?!

- “Então vou de saia, calça, mini-saia?” - sei lá qualquer coisa!
- “Está bem vou de saia.. então de t-shirt, top, camisa?” - sei lá qualquer coisa!
- "Levo mala, mochila ou só carteira?" - sei lá qualquer coisa!
- "Levo casaco, pullover, camisola?" - sei lá qualquer coisa!
- “Para combinar sandálias, ténis, sapatos?” - sei lá qualquer coisa!

depois uma bem simples, daquelas que nós conseguimos responder...

- "Levo brincos ou não?" - na tentativa de ser querido respondemos: “sem brincos”... o resultado: “então vou ter de trocar tudo porque assim já não combina!!!” 

Mulheres não podemos viver sem elas!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:43
link do post | comentar | favorito
42 comentários:
De CatStYle a 24 de Fevereiro de 2004 às 12:13
ahahaha não sou nada a sim! visto uma coisa qualquer e tá a andar! fogo que visão tão futil das mulheres lol essas parecem aquelas dondocas! nunca me vi nessas patetices do azul turquesa e azul marinho lol mtas vezes ando sem brincos e nem reparo, quando corto o cabelo repara-se logo pk deixou de estar enorme p estar pequenininho lolix generalizast imenso oh rafa :P beijokas ******** ps: n faço questão nenhuma de ser uma dessas mulheres! sou mulher na mesma e sou simples :)
De Joao a 24 de Fevereiro de 2004 às 03:25
Boa, não podemos mesmo passar sem elas, claro, para mim, são como dizem nuetros hermamos "El espirito del vino", gostei dessa dissertação sobre elas. Adios, vuelvo luego!

Comentar post

.Dezembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31