2 comentários:
De rafapaim a 10 de Dezembro de 2006 às 23:32
Lu... acaba por ser mais bonito que a filosofia de hoje!!!
De Lu a 1 de Dezembro de 2006 às 01:10
"Nos tornamos eternamente responsaveis por aquilo que cativamos". /As vezes queremos cuidar mas todo cuidado escapa de nossas maos. Ora como agua, ora como areia... A dimensao disso nao passa de um pequeno detalhe. As vezes na batida forte do coraçao disparado, as vezes diluido na lagrima que vai. As vezes, e em cada vez, sempre, todas as vezes... a dimensao da tarefa interpessoal sera distinta e 'especial'... por isso, nao teorizar, apenas fazer valer a simplicidade e intensidade do presente! E agora, saber de si e deixar partilhar.

Comentar post