12 comentários:
De marta a 5 de Fevereiro de 2006 às 21:34
Eu queria, meu Deus,
tanto eu queria,
resumir numa folha de papel
toda a minha vida passada
e a presente,
de tudo consciente.

Eu queria, meus Deus,
tanto eu queria,
pintar numa tela, num painel,
as sombras e as luzes
que intercalam
as fortes pinceladas
de alegrias, euforias
ou de dias
tão cansados
e de insones madrugadas.

Eu queria, meu Deus,
tanto eu queria,
com a humildade
de um ser arrependido,
confessar-me e pedir
o teu perdão;
porque talvez por
minha vida afora,
somente hoje,
no momento, agora,
esteja pronta para
expor meu coração.

nao se esqueça de passar pelo meu cantinho e deixar o seu perfume! optima semana
De analfabeto a 5 de Fevereiro de 2006 às 21:24
Há quanto tempo, não colocava os meus pézitos no teu blog... Estás sempre a abrir, como sempre.

Comentar post