.Filosofias Recentes

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

. Onde você mora?

.Filosofias Passadas

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Quarta-feira, 1 de Setembro de 2004

A novela do barco

Não é um blog de actualidades... mas em relação a isto nem mais uma palavra... e a este texto não acrescento nada!!!

" As primeiras exibições da série televisiva já deram para perceber cinco coisas:

1. O tal de barco é uma embarcação – cacilheiro, diz Louç㠖 cuja operação está abortada.

2. A tal de clínica é um contentor, talvez com piores condições do que por aí se pratica, infelizmente.

3. A tal da equipa médica e técnica ainda não deu de si, esperando-se que não seja a senhora do «piercing» que apareceu nas imagens. Não inspira grande confiança, diga-se.

4. O tal de folclore não passa de um passeio de barco, ao sabor das vagas e do frio, para uma cenas caricatas.

5. A tal de organização, muito corajosa, deveria percorrer mais umas centenas de milhas, até à costa mediterrânica, mas do lado africano, e tentar uma operação idêntica em Marrocos, Argélia, Líbia, Tunísia e países afins. Aí sim, seriam necessários.

No último capítulo apareceu mais um personagem: o PR, comadante Supremo, pois então. Ele quer explicações. Façam o favor de lhe dar, tanto mais que a lei existente até foi promulgada por ele. "

Luis Delgado in Diário Digital em 31-08-2004

Ensaio do filósofo rafapaim às 19:16
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De rafapaim a 2 de Setembro de 2004 às 23:00
onanistélico... isso mesmo! Concordo contigo!!!
De onanistélico a 2 de Setembro de 2004 às 22:58
Manobras de diversão, brincadeiras politizadas que mereceriam outro tipo de discussão, séria. Estas tropelias não as armazeno...
De rafapaim a 2 de Setembro de 2004 às 22:52
polittikus... uns brincam e nós pagamos!
De polittikus a 2 de Setembro de 2004 às 19:47
Acho isto tudo uma fantochada, apenas um braço de ferro entre políticos, mais nada...
De rafapaim a 2 de Setembro de 2004 às 18:28
pandyxinha... acho que a intenção é mesmo provocar e não fazer acontecer!!! Se algo tiver de mudar é aqui dentro e não levando as pessoas para fora!
De pandyxinha a 2 de Setembro de 2004 às 14:20
Pois... Eu não concordo muito com algumas destas coisas! Até porque lá apenas dão a pilula abortiva! Sinceramente inspira-me uma certa confiança, pelo menos comparado com as situações de aborto que se veem em Portugal!

Comentar post

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31