.Filosofias Recentes

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

. Onde você mora?

.Filosofias Passadas

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Segunda-feira, 9 de Fevereiro de 2004

Amor vs. Amizade

Hoje o tema é mais polémico... será a amizade melhor que o amor?!?

Ora vamos a filosofar acerca disto, começo pela seguinte experiência:

- Fique uma semana sem ligar ao seu amor... fique uma semana sem ligar ao seu melhor amigo!!!

... resultado ...

- O amor da nossa vida: “Então não ligas faz uma semana porquê? Já andas metido noutra aventura não é?! Sempre a mesma coisa... não te posso deixar sozinho um segundo que o resultado é sempre o mesmo!!! Depois de mais de 10 minutos de discussão, às vezes (e só às vezes) lá conseguimos ouvir que afinal o que tinham era saudades!!!

- O nosso melhor amigo: “Então que saudades tuas... que bom ouvir a tua voz de novo! Vamos marcar uma saída para colocar as novidades em dia... foi óptimo teres ligado!!!

O que estraga o amor?! É esse sentimento de posse... a necessidade de controlar... o deixar de fazer algo da nossa vida para agradar o outro! Todos esperam ser retribuídos, por isso nada que se faz é puro altruísmo (a esta hora os leitores já estão a discordar de mim, mas pense friamente!). Amar é... muita coisa boa... mas é o veneno da amizade! – Amor enquanto sentimento por outra pessoa que não da nossa família –

Amizade... é pura... sem cobranças... dar sem esperar receber (pelo menos para “aquele” amigo), pode só ligar na hora de necessidade, quando precisa de algo, não é preciso marcar presença, ... “amigo é como irmão, não de sangue mas de coração!”.

Pode ser uma visão pessimista do ser humano... mas não seremos impuros por natureza?! Não esqueça que quem estraga tão nobre sentimento somos nós!

“Não chore porque terminou... sorria porque aconteceu”!

Ensaio do filósofo rafapaim às 23:49
link do post | comentar | favorito
9 comentários:
De rafapaim a 17 de Fevereiro de 2004 às 15:59
Obrigado pela amizade Diogo... nisso estas mais que certo "palavras são só palavras... e leva-as o vento"! Acredito também que a melhor forma de demonstrar um sentimento é nos gestos, nas atitudes mas respeito quem dá valor ao ouvir a palavra "Amo-te"!!! ( ps: o que tens de estranho torna-te único!)
De Diogo a 17 de Fevereiro de 2004 às 15:20
HuMm..eu acho que o amor provem de uma enorme amizade entre duas pessoas, mas o que é o amor?..eu não sei descreve-lo claramente porque eu amo muitas pessoas de maneiras diferentes, por exemplo se eu dizer que amo um amigo, as pessoas começam logo a olhar de lado..lol, mas para mim esse amor é mesmo de "irmão"(por acaso gostei do que a Maria disse no primeiro comentario), por vezes essa "irmandade" ultrapassa qualquer laço de sangue.
"amor maior que amizade???"..não sei, depende da amizade e do amor(como ja disse , á diferentes maneiras de amar).
Eu tenho uma opinião á qual tento ser fiel: é que uma pessoa não deve usar apenas "a palavra" para defenir sentimentos porque "palavras" são isso mesmo...apenas palavras, eu prefiro demonstrar com "comportamentos"(eu sei que sou estranho mas enfim loool).
abraços rafa, tu es um bom amigo(lol)
De rafapaim a 16 de Fevereiro de 2004 às 19:13
Muito bem... esses exemplos são de luxo Gonçalo, o "Menino" às vezes nao consegue... mija para o sapato mas em grande estilo essa reflexão!!! Casimiro até parece que tens uma barba assim tão rija... mas é es um gajo rijo nas amizades!!! Isso sim!!!
De Casimiro a 16 de Fevereiro de 2004 às 18:17
E nós, gajos de barba rija, somos quem melhor sabe "separar as águas": amizade é amizade (e sempre das verdadeiras) e amor é amor. Sem confusões e sem intrigas!!!
E mais não digo!!! Aquele Ab.
De Gonçalo, o " Menino" a 16 de Fevereiro de 2004 às 17:15
Convém não esquecer que por vezes os problemas numa amizade provêm do amor. Embora dois grandes amigos pensem que é impossível quebrar a amizade que os une, a verdade é que basta simplesmente a PUT* de uma GAJA para FOD** tudo. Graças a essa raça, muitas coisas lindas foram destruídas; Yoko Ono dividiu os Beatles; os sex pistols separaram-se quando Sid Vicious enrolou-se com uma PUT* janada; Ben Affleck manchou a sua carreira ao fazer um filme com uma bimba que anda a comer (J'LO); entre outros exemplos que têm surgido ao longo da história. Homens deste mundo, uni-vos e não renunciem nada do que construíram ao longo da vossa vida. A vida é demasiado curta para deixá-la ser condicionada por terceiros.
De rafapaim a 14 de Fevereiro de 2004 às 13:43
Grande Morna... mais uma bela reflexão profunda e carinhosa da tua parte! Obrigado por essa partilha! Um abraço!
De Morna a 14 de Fevereiro de 2004 às 12:30
O problema entre o amor e a amizade reside nas GAJAS, e mais nada.
De rafapaim a 14 de Fevereiro de 2004 às 02:32
Nem mais M... este texto é baseado numa conversa nossa e entre um outro meu amigo com o qual desenvolvi a maior parte destas filosofias baratas!
De Maria a 10 de Fevereiro de 2004 às 14:15
Penso que aqui à tempo ja tinhamos falado neste assunto, do amor como sendo esse tal sentimento de posse e da amizade ser tão simplesmente "livre".
Não entendo o amor nem a amizade como um sendo melhor que o outro...cada um é importante na vida de todos de maneiras distintas.Hoje posso precisar de um amigo para chorar a perda de algum amor...amanhã posso precisar de um amor para aconchegar o descaminho de um amigo.No entando eu tomo pessoalmente as amizades como sendo mais imortais do que algum amor a dois. R e é como tu dizes ..."amigo é como irmão, não de sangue mas de coração". Aquele beijo M!

Comentar post

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31