.Filosofias Recentes

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

. Onde você mora?

.Filosofias Passadas

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Segunda-feira, 16 de Abril de 2007

Deixa de ser...

Será que somos o que queremos ser… o que gostamos de ser… o que nos apaixona ser… o que pensamos ser… ou o que escolhemos ser?!?

Não somos antes o que queriam que a gente fosse… o que gostavam que a gente fosse… o que parece que temos de ser… o que temos jeito para ser… ou o que convém ser?!?

Existe mesmo um papel definido para nós?!

Podemos enumerar vezes sem conta os sonhos que esquecemos… os planos que deixamos de lado… e todos eles podem ser justificados… mas na altura cumprimos uma escolha nossa ou cumprimos a expectativa do momento?!

Deixamos de ser crianças para ser adultos… os nossos pais esperam isso…

Deixamos de ser espontâneos para ser rigorosos… os nossos colegas esperam isso…

Deixamos de lado amores para sermos fiéis… as nossas companheiras esperam isso…

Deixamos de ser nós… para sermos deles…

Mais perto do que queremos ser… e sempre contigo do meu lado… parabéns miúdo!

Ensaio do filósofo rafapaim às 23:58
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 9 de Abril de 2007

Essa não é a sua vida

Roubar
Subtrair uma parte qualquer
Da metade do que não é nada
A não ser um pedaço qualquer
De alguém

Matar
Subitamente apagar dessa vida
Um pedaço que é nada mais
Que uma parte qualquer
Da metade do que não é nada
A não ser um pedaço qualquer
De alguém

Viver
Repetir todo o dia a tarefa
De ser um a mais
Uma parte qualquer da metade
Do que não é nada a não ser
Alguém

Morrer
Simplesmente sair dessa vida
E deixar para sempre de ser
Um a mais e de ser
Uma parte qualquer da metade
Do que não é nada
A não ser
Alguém

Números, números, números
O que é, o que são
O que dizem sobre você
Essa não é a sua vida
Essa não é a sua história

Sentir
Sente-se que a metade
De vinte por cento
Dos vinte milhões de mulheres
No mundo
Não sentem nenhum prazer

Saber
Sabe-se que o total de pessoas
Que sabem o que é o amor
É igual a metade
Dos que já não sabem
O que é amar

Falar
Fala-se que só metade
Dos homens que sabem falar
Realmente não falam aquilo
Que sentem e falam e falam

Pensar
Pensa-se que uma parte
Daqueles que pensam
É só a metade dos vinte por cento
Que pensam naquilo
Que é bom para si

Números, números, números
O que é, o que são
O que dizem sobre você
Essa não é a sua vida
Essa não é a sua história

Papas da Língua

Ensaio do filósofo rafapaim às 18:10
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 4 de Abril de 2007

Quem está a ficar velho?!

O fim era a mentirinha de 1 de Abril... ia logo acabar o blog quando faltavam apenas três dias para que sejam vocês a deixarem as vossas filosofias e os parabéns aqui ao rafapaim!!!

E mais uma vez como nos dois anos anteriores... as atenções hoje são todas para mim!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Domingo, 1 de Abril de 2007

The End

É desta que o blog chegou ao fim... obrigado!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31