.Filosofias Recentes

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

. Onde você mora?

.Filosofias Passadas

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Segunda-feira, 25 de Dezembro de 2006

Primeiros Erros

Meu caminho é cada manhã
Não procure saber onde estou
Meu destino não é de ninguém
E eu não deixo meus passos no chão
Se você não entende, não vê
Se não me vê não entende
Não procure saber onde estou
Se o meu jeito te surpreende

Se meu corpo virasse sol
Se minha mente virasse sol
Mas só chove e chove
Chove e chove

Se um dia eu pudesse ver
Meu passado inteiro
E fizesse parar chover
Nos primeiros erros
Meu corpo viraria sol
Minha mente viraria sol
Mas só chove e chove
Chove e chove

Se um dia eu pudesse ver
Meu passado inteiro
E fizesse parar chover
Nos primeiros erros
Meu corpo viraria sol
Minha mente viraria sol
Mas só chove e chove
Chove e chove

Meu corpo viraria sol
Minha mente viraria
Mas só chove e chove
Chove e chove

Meu corpo viraria sol
Minha mente viraria sol
Mas só chove e chove
Chove e chove

Capital Inicial

Ensaio do filósofo rafapaim às 03:05
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Domingo, 24 de Dezembro de 2006

Melhor que nada...

É nesta altura que pensamos nas resoluções do ano passado… poucos são aqueles que sentem o dever cumprido… muitos são aqueles que adiam as mudanças…

Pessoalmente (às vezes as filosofias também são pessoais), irei cumprir uma das promessas feitas em 2006… e sinto que vai valer a pena…

Uma em doze (cada passa, um desejo)?!

Irei cumprir a mais complicada de todas… depois disto tudo pode mudar… tudo pode ficar na mesma… irei apostar alto… para o ano reservo as mais fáceis!!!

Estou a fazer mil e um planos… nada é como imaginamos, nada sai de acordo com o planeado… seja como for… irei sair a ganhar…

Filosofia nesta filosofia?! Talvez não tenha… mas nem tudo precisa ter sentido… nem tudo precisa de explicação… por vezes as coisas são feitas porque são para serem feitas…

É natal… quase passagem de ano… e se o homem gosta de datas… quem sou eu para contestar…

Um feliz e santo Natal para todos… aproveito também para desejar um Bom Ano Novo!

Ensaio do filósofo rafapaim às 03:55
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 7 de Dezembro de 2006

E tudo fica igual...

“Todos os dias, regressamos a casa do mesmíssimo modo como o fazíamos, depois da escola, em crianças. Dantes, simplesmente, carregávamos os problemas por resolver dentro da mochila; hoje, optámos por transportá-los no interior da cabeça.”

… pessoalmente eu adaptaria este texto retirado do blog “O Boato” para o seguinte:

Todos os dias, regressamos a casa do mesmíssimo modo como o fazíamos, depois do trabalho no escritório. Dantes, simplesmente, carregávamos as nossas amizades na esperança do reencontro de amanhã; hoje, optámos por transportá-las no interior da cabeça.

Para as mega-hiper-extra-super fixes colegas… obrigado!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 22:20
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31