.Filosofias Recentes

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

. Onde você mora?

.Filosofias Passadas

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Sexta-feira, 30 de Abril de 2004

Just for fun

Dia de sair... enquanto fui estudante de Lisboa era a noite forte... grandes festas!!!

Mas desde quando significa muito álcool ou bebedeiras?!?! Diversão boa, é aquela que fazemos sóbrios... já ouvi teorias de tudo:

- Só me divirto quando bebo!!!
- Bebo para fiar mais solto!!!
- Todos bebem acabo por beber também!!!

Mas por acaso (e esta devo ao meu pai) somos mais homens por beber mais?! ou por ter mais mulheres?! Esse pensamento de macho latino já deu o que tinha a dar... não sou contra beber, tem até alturas que por descuido ou no ambiente certo as coisas acabem por acontecer, mas o que me choca é aquele pensamento de sair para apanhar uma bebedeira!!!

E quando no outro dia se encontram ainda se gabam de serem isto ou aquilo... e a figura ridícula que fizeram?! E os actos irreflectidos?! Fazer algo para depois não se recordar?! Não assumir responsabilidades?! Acho que mais que uma filosofia barata é um alerta... bebam... bebam o que quiserem... mas bebedeira com local e hora marcada é que me parece um pouco triste!

Ensaio do filósofo rafapaim às 03:21
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
Quinta-feira, 29 de Abril de 2004

Não me toques!

Hoje vou ensaiar uma filosofia barata acerca dos novos códigos, sinais, truques e linguagem que nasceram com o uso dos telemóveis...

Somos um dos maiores países consumidores de telemóveis... agora se somos os que mais chamadas realizam isso já não sei??! Pode optar por partilhar uma fotografia... um som... uma sms... ou uma chamada... mas o “tuga” conseguiu inventar mais uma opção económica (isto dos cartões recarregáveis é uma boa invenção mas é preciso ter saldo!!!) o TOQUE!!!

Eu nunca fui adepto disso... mas existe quem utilize para as mais diversas situações:

- Um toque porque pensei em ti (podia ligar mas não... era mais romântico não?)
- Um toque para não esquecer de mim (para marcar território!!!)
- Um toque só para irritar (não me ligas nenhuma levas já com ele!)
- Um toque para ver se me liga de volta (sem saldo pode ser que resulte!)
- Um toque para saber que cheguei (já estou aqui em baixo... podes sair!)
- Um toque para engatar (deixa ca dar um toque para ver se desperto o interesse!)
- Um toque só por dar (passa o dia a brincar com o aparelho e às vezes sai isso!)

Outra modalidade é fazer um testamento em 160 caracteres!!! Então nasceu uma nova escrita... abreviações que tornam qualquer tentativa de decifrar certos pensamentos num fiasco! E tem algumas então que ainda não percebi... principalmente aquelas que trocam certas letras e a palavra continua com o mesmo numero de letras!!! N vão dixer k ainda n viram ixo?!

Por fim, algumas conversas intermináveis... principalmente a despedida (18/04/2004), mas o local preferido para qualquer chamada é no carro enquanto se conduz!!! E não basta ter um... se existem três operadores então nada mais lógico que três telemóveis... e nem quero entrar naquele tipo que fala aos berros e anda com eles todos à cintura!!!

Bem, vou mas é atender esta chamada que escrever só com uma mão não dá jeito!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Quarta-feira, 28 de Abril de 2004

Dure para sempre... sempre acaba

Não tem mal que dure para sempre... nem bom que nunca acabe!!!

Gosto desta filosofia barata... principalmente porque me mantém sempre atento!!! Quando acreditamos que temos a situação controlada, ou alguém na mão, é quando deixamos de cuidar e acabamos por perder!!!

Evito desta forma ficar demasiado confiante e acabar por descurar certos pormenores ou detalhes (que acho serem importantes!!!) e cometer erros sem a mínima necessidade... ao mesmo tempo que quando algo corre mal tenho sempre a esperança, e a expectativa (até porque acredito que todos os problemas tem solução!!!) que tudo se vai resolver em breve!

Mas a filosofia é mesmo para aquelas pessoas mais pessimistas... e cada vez conheço mais!!! Ainda não sei se sou eu que sou demasiado optimista (talvez me esteja a escapar algo que eu não saiba?!?!?!) ou então tem muita gente “pobre e mal agradecida!!!”

Não serve para todas as situações... mas acredite que tem sempre alguém pior do que você em algum lugar do mundo (e por vezes esse lugar é mesmo já ali ao lado). Cheguei ao ponto de observar que alguém muito feliz chega a ser mais odiado que alguém muito infeliz... todos sabem partilhar tristezas mas poucos sabem partilhar alegrias!!!   (15/04/2004)

Não vamos deixar que problemas estraguem o dia... a vida não é simples... não é fácil... mas trate de fazer a sua parte!!! “Life is short... play hard”

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Terça-feira, 27 de Abril de 2004

Quem paga?

Continuando esta saga de filosofias baratas sobre encontros, chegamos na questão do quem paga a conta!!! Ainda funciona a máxima de quem convida paga?!?!

Situação complicada hoje em dia... se antes era certo que mulher não pagava, agora ficou tudo mais difícil!!! Aquilo que era tradição, agora é algo de muito particular, passo a exemplificar as possíveis interpretações:

- Ele paga e ela não esboça qualquer gesto! (significado: ela não gostou e acha que o mínimo que você pode fazer é pagar como compensação da grande seca que apanhou!).

- Ele paga e ela mexe ligeiramente na carteira! (significado: ela pode até ter achado uma certa graça em si... mas é uma daquelas aproveitadoras e utiliza a sua condição para o “comer vivo”!)

- Ele tenta pagar e ela insiste também em pagar... acabam por dividir a conta! (significado: ela está a ponderar na hipótese de não haver segundo encontro, assim as contas ficam acertadas... ninguém deve nada a ninguém!!!)

- Ele não esboça qualquer gesto e ela acaba por pagar a conta (significado: Que cara-de-pau!!! Nunca mais se meta com ele!)

- Ele paga apesar de várias tentativas dela pagar!!! (significado: Acho que resulta num segundo encontro... se ela gostou da companhia eu na próxima até posso ponderar em rachar a conta!!!)

Ainda bem que filosofia barata ainda é grátis!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:43
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
Segunda-feira, 26 de Abril de 2004

Saber sair...

Uma filosofia barata sobre a despedida... a despedida de um encontro!!!

É uma arte saber o momento da saída... é fundamental deixar uma boa impressão!!! A probabilidade de num encontro o primeiro beijo ser na hora do adeus é elevada, desta forma é preciso ter atenção a certos detalhes!!!

Um grande truque, é combinar o programa de forma a ser você a ir coloca-la a casa... quando chegar ao local desligue o carro .... por norma sai esta conversa, se tudo correu bem!!! (Jogo do “faz de conta”!)

- “Adorei a companhia, a conversa foi excelente e temos de repetir um dia destes...”

Ao qual, a olhar nos olhos da sua companhia, vai seguindo a responder a todas as questões da forma mais cordial possível! Deixe a iniciativa de abandonar o carro para ela... assim na hora de se inclinar para os beijos de despedida, e se estiver a sentir aquele clima, não desviando a cara talvez possa acontecer?!

Se tal não acontecer, passa ao plano B, acompanhar até a porta de casa... não só passa uma onda de cavalheiro como cria aquela intimidade!!! Depois de já uma série de despedidas fica aquele impasse de mais uma, e como foi tão querido talvez possa acontecer?!

Sei que é muita teoria... mas uma boa filosofia barata é assim mesmo!!!

Mas para quem já passou por isto, sabe que as coisas correm mais ou menos assim... ou então a companhia foi tão má que até a pé voltamos!!! ehehe!

Nunca sabemos o que o outro está realmente a pensar...

- (Ele) Se eu a beijar será que estrago tudo???
- (Ela) Mas ele nunca mais se decide... quer mais sinais?!
- (Ele) Se ela tivesse dado alguma dica!!!
- (Ela) Ele deve ser cego... que mais posso fazer?!
- (Ele) Pode ser que ela tome a iniciativa!!!
- (Ela) Ser eu a tomar a iniciativa é que não?!
- (Ele) Talvez quando a acompanhar à porta de casa!!!
- (Ela) Vai tentar na porta de casa?!
- (Ele) Não rolou!!!
- (Ela) Grrr... e eu queria!!!

Será que a tradição ainda é o que era?!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:35
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
Domingo, 25 de Abril de 2004

First Time

O primeiro dia de escola...

O nosso primeiro beijo...

A nossa primeira vez...

O primeiro emprego...

Uma filosofia barata sobre todas as primeiras vezes...

Acho que todos passamos por isto... faz parte do crescer... mas todas as primeiras vezes parecem a primeira!!! (ehehe!!!) Por mais vezes que se repita esta sensação custa sempre imenso!!!

Os sintomas são sempre idênticos:

- Nervos
- Medo
- Transpiração
- Gaguejar

Estes... e mais alguns!!! São nestes momentos que tudo sai mal... a frase na hora errada... o deixar cair algo... o tropeçar... se algo pode acontecer errado, vai acontecer (Lei de Murphy)!!! Mas o bom de tudo é que para nós corre sempre pior do que a realidade foi!!!

Não se preocupe nem se esforce demais... a naturalidade será sempre mais valorizada!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:22
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Sábado, 24 de Abril de 2004

Tem que valer... viver

Tem que valer valer viver
Tem que viver viver valer

Tudo começou
Janeiro, verão, sol e praia
Do mar você me olhou
E procurou a mais perfeita onda
Que onda
Rolei na areia e fiquei louca
Muito louca

Você é tudo na minha vida
O grande amor
Eu quero ser sua menina

Você é tudo na minha vida
O grande amor
Estrela minha

Tem que valer valer viver
Tem que viver viver valer

Tudo começou Janeiro, verão, sol e praia
Do mar você me olhou
E procurou a mais perfeita onda
Que onda
Rolei na areia e fiquei louca
Muito louca

Você é tudo na minha vida
O grande amor
Eu quero ser sua menina

Você é tudo na minha vida
O grande amor
Estrela minha

Tem que valer valer viver
Tem que viver viver valer
Tem que valer valer viver
Tem que viver viver valer
Tem que valer valer viver
Tem que viver pra valer
A vida
Muito louca

Você é tudo na minha vida
O grande amor
Eu quero ser sua menina

Você é tudo na minha vida
O grande amor
Estrela minha

Caleidoscópio

Ensaio do filósofo rafapaim às 16:14
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 23 de Abril de 2004

Seja simples

Para complicada já basta a vida... não tente ainda complicar mais... seja simples!!!

Que tendência natural esta das pessoas complicarem tudo... então o caso desta filosofia é um mix de filosofias:

- Qual a hora para terminar?
- Já acabou?
- Não credito mas, ...

Todas as relações deviam ter um início... um meio... e um fim!!! Na realidade as duas primeiras são fáceis de identificar, agora a última é caso raro (já ouvi dizer que por vezes acontece!!!)! As coisas começam a correr mal e aquilo que devia proporcionar alegria acaba por trazer infelicidade... não acha que era hora para terminar!!!

Não deve jogar tudo para o alto logo na primeira dificuldade... podemos sempre tentar resolver ou remediar, mas aquela esperança de que tudo vai voltar ao mesmo (não querer ser o tal que deu o braço a torcer!), para a próxima é que é de vez... leva a um arrastar de situações que levam ao desgaste e à perda de respeito entre as pessoas!

Acabou e agora, sei que a vida continua mas será que se tentar mais uma vez as coisas não vão dar certo?! Mais uma oportunidade para que tudo seja de novo perfeito?! Se já deu certo porque não vai dar outra vez?!

Se no fundo ainda gostamos de alguém mas sabemos que nunca vai mudar... ou que nada volta a ser como antes então nada de “mas”... custa, sei que custa!!! Ficar adiando uma solução que já se encontra dentro de nós não é saudável (vamos deixando a coisa se repetir e casa vez acabamos mais embrulhados!!!)

Tem ainda um monte de filosofias associadas.... mas... vou ser simples!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 03:22
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Quinta-feira, 22 de Abril de 2004

Quando...

Quando tudo ganha uma velocidade incrível...
Quando tudo é novidade...
Quando tudo acontece ao mesmo tempo...

Quando perdemos o controle...
Quando perdemos a noção...
Quando perdemos o objectivo...

Quando falta o tempo...
Quando falta a vontade...
Quando falta a capacidade...

Quando acabamos numa rotina...
Quando acabamos presos...
Quando acabamos controlados...

Quando é hora de mudar...
Quando é hora de se revoltar...
Quando é hora?

Quando termina a filosofia...
Quando menos esperar!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:14
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Quarta-feira, 21 de Abril de 2004

O ou A tal!!!

Mais uma filosofia barata a ir de encontro com as crenças populares!!!

Sei que existe muita gente que acredita em contos de fadas, caras metades, almas gémeas... uma pessoa perfeita para nós?!?!

O que levanta uma grande questão...

Não falam que os opostos se atraem!?! Então aquele que é o nosso mais que tudo, o prometido, o tal, deve nos completar ou deve ser totalmente distinto de nós?!
Caso sério este, uma pessoa diferente tem o charme do mistério, da descoberta, mas rapidamente se torna chato o facto de não combinar em nada!!! Alguém demasiado parecido tem a capacidade de nos entender, apoiar mas rapidamente se torna irritante por estar sempre disponível!

Não queremos nada de mão beijada e certo... nem queremos nada de tão fugaz e solto!

Estes dilemas... é muita hora a pensar nestas grandes questões da humanidade passa aqui o vosso filósofo de serviço – serei eu isso para alguém?!?! (calma meninas nos comentários!!!)

Acho que retiramos o bom de cada pessoa e aquilo que podemos aproveitar num determinado momento da nossa vida... tem gente ideal para cada altura, acho que são acontecimentos felizes esses em que tudo parece correr bem! Também acredito ser possível aprender a gostar... como já escrevi, acho que racionalmente consigo fazer uma escolha!!!

Não vou ficar à espera de uma princesa... normalmente o beijo as transforma em sapo!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (24) | favorito
Terça-feira, 20 de Abril de 2004

Excelências!

Não vou dizer que é só em Portugal ... nem vou dizer que são todos assim ... uma filosofia barata sobre todos os Srs. Drs. e Eng. deste país!!!

Diploma na mão e temos transformação...

1 – Todos os cartões e cheques são alterados para o respectivo grau académico (sorte quando não são títulos da nobreza! ehehe|)

2 – Todos se tratam por Sr. Dr. ou Sr. Eng.! (será que são todos da mesma família?! Afinal tudo com o mesmo apelido... vai na volta se também sou, então ainda são meus parentes!!!)

3 – Certas tarefas deixam de ser dignas do seu esforço... assim como as pessoas que as executam pertencem a uma classe inferior! (mas tirar uma licenciatura devia ser sinal de esforço e dedicação aliada a um pouco de inteligência e não estupidez?!)

Tentar disfarçar falhas e lacunas de comportamento atrás de um título demonstram uma mente fraca... mesmo assim espero o dia em que todos possam ser Drs. ou Engs. seria bom saber que todos tiveram a oportunidade de prosseguir os seus estudos!!!

Não vamos colocar tudo no mesmo saco... tem gente que apesar de tudo arregaça as mangas e despe do casaco para ajudar!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:40
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
Segunda-feira, 19 de Abril de 2004

Nicknames

O tema de hoje pode parecer machista!!! Mas foi escrito apenas para ser mais engraçado de ler... isso de andar a tratar o seu companheiro por alcunhas é terrível!!!

Uma filosofia barata sobre os nomes pequeninos... fofinhos... queridinhos... meiguinhos... e muito mais inhos que se inventam!!!

Homem que anda por aí a tratar alguém por diminutivos é dose, até porque homem demasiado apaixonado é triste de se ver!!! Então e essa mania de chamar os órgãos genitais também por alcunhas?!?! Acha que assim a convence mais facilmente a fazer sexo oral?!?! ehehe!

Mulher que anda por aí a tratar alguém por diminutivos pode (e realço pode!) ser engraçado!!! Isto quanto estamos em momento apropriado, e sem estar rodeado por pessoas menos íntimas... nada pior do que estar num ambiente formal e se virarem para nós com nomes como “ursinho”, “bebezinho”, e coisas piores!!! Lá se vai a nossa credibilidade!

É vê-los tão apaixonados... e trocam beijinhos... e carinhos... e depois quando sai briga?! O amor eterno pode durar até mesmo três meses! Depois sobram outros nomes e esses garanto que não acabam em inho!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:03
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Domingo, 18 de Abril de 2004

Desliga... vai!!!

Outra filosofia barata daquelas que vai rapidamente identificar…

Tão engraçada a forma como se desliga um telefonema (engraçada e ridícula ao mesmo tempo!)… o jogo do “faz de conta”!!!

No meio do telefonema alguém diz:

- Então vá!!! (o sinal de partida para as despedidas… mas é aqui que começa o problema, ninguém vai a lado nenhum)

- Pronto então depois a gente se fala! (parece que o outro percebeu e vai desligar…)

- Sim a gente se fala logo não é?! (e aquilo que era uma afirmação já é pergunta!!!)

- Sim… então vá!!! (e já mudou de pessoa que vai?! Mas será que vai onde?!?!)

- Então vá!!! (o outro não gostou de ser mandado a esse sítio que tanto insistem em indicar!!!)

- Pronto beijinhos!!! (alguém concordou em ir… segunda fase da conversa!!!)

- Beijinhos!!! (Parece que acabou?!?!)

- Depois então a gente se fala, beijinhos!!! (é agora?!?!?!)

- Sim a gente se fala, então vá, beijinhos!!! (outra vez, grrrr! Que raiva ir onde, estou curioso!!!)

- Sim, beijo, beijo! (ai tanto beijo que já o telefone está todo melado!!!)

- Beijo, adeus! (foi?!?!)

- Tchau! (ufff!)

E é mais ou menos assim.. ehehe! Resumo, uma chamada de 10 minutos onde 2 para falar o essencial e 8 para ficar neste dialecto já elevado a rotina (sem este procedimento ainda podem desligar a pensar que está zangado!!!).

Pronto e foi a filosofia barata de hoje… Então vá… beijos e abraços… Adeus… Tchau!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:03
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
Sábado, 17 de Abril de 2004

Sempre que precisar

Mais uma filosofia barata sobre amizade... é daqueles temas que tem muito por onde falar!!!

Sei que sou um amigo complicado... e acho que existem mais como eu, talvez por vezes mal compreendidos!!!

Não sou do género amigo cola... não fico grudado nem sempre em cima de meus amigos... sou capaz de ficar tempos sem qualquer contacto mas sem que isso cause menor sentimento de indiferença ou inimizade em mim.

Não acho necessário estar sempre a ligar... até porque sei que facilmente partilho os meus bons momentos e dificilmente partilho os maus, tenho uma tendência para o isolamento e solidão!!!

Nada disso quer dizer que não penso nas pessoas, ou que estou a afastar-me, acho que sou daqueles amigos que pode apenas lembrar quando precisa... e nesse momento não vou falar:

“Só lembras de mim quando precisas”

Acho que quando alguém está em dificuldades e se lembra de nós só pode ser positivo!!! Não tenho conhecidos... ou se torna amigo ou então não consigo manter aquele relacionamento superficial!!!

Amigo é para qualquer altura, ocasião e momento!

Ensaio do filósofo rafapaim às 05:55
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Sexta-feira, 16 de Abril de 2004

Um pouco de silêncio

Ontem cereja escreveu para mim...

“O sábio fala porque tem alguma coisa para dizer... o tolo porque quer dizer alguma coisa”

Não quero correr esse risco!!! Como conheço essa descrição... talvez até algum dia tenha feito o papel de tolo (menino então perto de menina é fatal!!!)! Dentro deste contexto encontramos ainda:

- os que falam demais sem pensar e só sai asneira!
- os que falam demais sem nada para dizer!
- os que falam demais sem saber nada do que estão a falar!

Como tem gente que se esconde atrás de conversas técnicas e termos caros... não será mais inteligente aquele que consegue conversar sobre tudo com todos?! Saber explicar o mais difícil de forma a ser tão fácil que qualquer um entenda?! Tornar o complexo em simples?!

Não vou nessa de para bom entendedor meia palavra basta... não gosto de conversas dúbias... preto no branco (pouco cinzento se faz favor!) – outra situação bem comum é estar a conversar com alguém e estar cada um a falar de assunto diferente só porque ninguém toma a iniciativa de ser claro e frontal!

Mas nada de confundir frieza com educação... se Deus deu duas orelhas e apenas uma boca deve ser para ouvir mais e falar menos!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 02:06
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
Quinta-feira, 15 de Abril de 2004

Feliz pelos outros

Sempre tive esta dúvida... e vai ser o tema da filosofia de hoje...

Existe mesmo quem realmente partilhe as nossas alegrias, conquistas, vitórias como sendo suas?!

Houve alturas que pensei que podia ser um pouco de teatro... o ser humano é dotado de inveja, e tal facto só podia acontecer quando o acontecimento era sempre inferior a uma nossa conquista!!!

Ficar feliz por alguém era um gesto artificial... sim, é bom que as pessoas que nós gostamos sejam bem sucedidas mas nunca mais que nós!!! Não acredito ser um sentimento negativo mas a verdade é que as histórias dos outros são sempre mais interessantes! (02/08/2004)!

Penso que é difícil partilhar experiências pelas quais nunca vamos passar... mas é possível dividir uma conquista de outro quando, ou já passamos pelo mesmo, ou ambicionamos passar pelo mesmo!!! Sei que a alegria contagia... e acredito hoje sinceramente na capacidade de ficar tão feliz pelos outros como por mim!!!

Não sou melhor pessoa por isso mas o sucesso é bom quando partilhado... não por vaidade mas por mérito!!! A competição é saudável e quando jogo é para ganhar, mas é tão nobre saber perder como saber vencer!!!

Ambição quando não desmedida é bom... sejam sempre melhores meus amigos!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 03:31
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
Quarta-feira, 14 de Abril de 2004

Parecer e Ser

Será que a beleza do blog é como a beleza feminina?!?

Isto é, 90% sai com água e sabão!!! ehehe!!!

Resolvi fazer uma pequena alteração... não imaginam o trabalho que deu, acho que tive de actualizar umas 10 000 vezes!

A filosofia de hoje só podia ser sobre o parecer ser... e o ser!!!

Agora até tenho um blog mais bonito à vista... mas não será isso apenas um engodo para os visitantes!!
E no dia-a-dia, quantos são aqueles que tentam parecer o que não são!!! Classes sociais distintas não só por um nível de rendimento mas por gestos, roupas, carros, sinais exteriores de riqueza... mas não conta o interior?!

Claro que sim... não vou também cair no erro de dizer que o aspecto visual não conta, mas vamos dar uma oportunidade de aprofundar as relações! Estes padrões levam muita gente ao isolamento, a um monte de loucuras de forma a encaixar-se num determinado grupo... acho que aqui se aplica a velha máxima...

"Se não gostar de si quem gostará?!

Ensaio do filósofo rafapaim às 03:05
link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
Terça-feira, 13 de Abril de 2004

Não olhes agora

Outra filosofia barata que começa logo pelo jogo do “faz de conta”:

- Imagine que está rodeado de pessoas… algumas distantes mas todas no mesmo espaço! Não olhes agora, mas aquela pessoa do teu lado é que é a tal!!!

O que acha que sucedeu???

- Isso mesmo... imediatamente a seguir à frase “não olhe agora” a pessoa olhou!!! Que mania essa das pessoas fazerem precisamente o contrário do que lhes é pedido!!! Então no campo da descrição é fatal… quanto mais tentar passar despercebido mais olhares vão recair sobre você!

Qualquer tentativa de anonimato resulta em chamariz… um truque é nunca começar as frases por:

- Não olhes agora…
- Não apontes mas…
- Fala baixo que…

Todos já passamos por essa vergonha de tentar comentar algo com alguém e sermos descobertos… que forma curiosa o funcionamento do cérebro, será ainda o efeito do “fruto proibido ser o mais apetecido”… fazer o que não se pode fazer?!?!

Isso e começar piadas sobre alguém (desculpem mas…) normalmente pretos e estar um ao nosso lado acontece sempre não é?! Por mais que tente olhar em seu redor no momento em que começa a piada lá aparece um!!!

Por mais esforços que faça os seus amigos nunca o vão compreender… mesmo que passem no teste do não olhar… não apontar… falar baixo… algo vai correr mal!!!

Vou acabar por aqui que quero manter o low profile!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:35
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
Segunda-feira, 12 de Abril de 2004

Faço a 100%

Fazer algo só por fazer não vale nada…

Não quero… não preciso… detesto que façam (ou fazer) algo contrariado!!! Prefiro gestos determinados, com empenho, a 100%!

Tudo que é feito como um favor, por pena, para agradar pode revelar-se desastroso… não só porque fazemos sem vontade e se algo corre mal acabamos duplamente aborrecidos, mas também porque um dia mais tarde vai sentir a tentação de ser retribuído!!!

Pode até estar a agir de acordo com a opinião de outra pessoa, mas concorde ou faça porque quer e não porque sente necessidade disso… acções e pessoas direccionadas no mesmo sentido tem uma probabilidade maior de sucesso!

Não espere algo em troca… ser prestável para apenas lucrar com isso pode parecer inteligência mas mais tarde ou mais cedo vai ser muito difícil manter a aparência, estar constantemente a agir de forma contrária aos seus desejos e vontades vai levar você a um estado de tristeza!!!

Mais uma daquelas filosofias baratas que são bonitas de falar e difícil de executar… mas tenha atenção que conto com uma boa dose de concessão e ponderação, não faço tudo que quero e só o que quero… já falei que tudo em excesso se torna perigoso… e depois tem coisas que é tão fácil todos quererem!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:53
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
Domingo, 11 de Abril de 2004

O prato frio!

Não acho que “dente por dente, olho por olho” seja a melhor filosofia!!!

Ser vingativo não é saudável… ficar a pensar como retribuir o mal que nos fizeram é horrível! Acabamos a ser consumidos pelo ódio, a necessidade de fazer mal, ser ruim, leva sempre a um desfecho perigoso… uma escalada de actos violentos!

Não acho que a vingança seja um prato que se serve frio… entendo que por vezes só fazendo as pessoas passarem pelo mesma maldade que cometeram é que entendem o verdadeiro significado do seu acto!

Não perdes por esperar… mas o que se ganha com o facto de ser igual ou pior que alguém que achamos que cometeu um acto vergonhoso??? A melhor resposta não será o desprezo… deixar que nos incomodem é a vitória da outra pessoa!!!

Que ideia parva essa de que depois vamos ficar melhor!!! Acham mesmo que recuperam a vossa dignidade ou orgulho ao serem vingativos?! Seja melhor e passe por cima… ficar dando crédito a quem não merece é perda de tempo, guarde suas energias para algo melhor e mais útil!

Sei que falar é fácil e isto esta mesmo com cara de filosofia barata… se não conseguir seguir o seu impulso ao menos não piore a situação!!! Fique pela igualdade… faça o mesmo para a outra pessoa perceber o erro mas não faça para magoar, faça para melhorar!!!

O caminho fácil nem sempre é o melhor … seja melhor!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:47
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Sábado, 10 de Abril de 2004

Tenho raiva de quem sabe

Não preciso saber tudo sobre todos... quando será que as pessoas vão perceber que existe uma grande diferença entre partilhar e ser chata?!!! Isso de intimidade significar que tudo pode ser vivido a dois é falso!!!

Esta é a filosofia barata de hoje... ninguém se cumprimentava se soubesse tudo que os outros fazem na sua intimidade e privacidade!

Não vamos entrar nessa que os verdadeiros sentimentos são aqueles em que tudo se pode partilhar e contar... não será o verdadeiro sentimento aquele que respeita, compreende e permite uma certa liberdade!!!

Tem um monte de coisas que julgo desnecessárias conhecer ao pormenor:

- Partilhar casa de banho naquela hora... (ehehe!!!)
- Relações passadas (o que fez, como fez, com quem fez e com quantos fez... isso é lá com ela!)

Mas isto não se aplica só ao nosso companheiro pode ser qualquer um:

- Quero lá saber de como gostam de “fazer” os meus amigos
- Que cenas estranhas eles curtem

Podemos mesmo ficar com nojo de algumas coisas onde os outros se “metem”!!! Preciso apenas de saber aquilo que me inclui, influencia, dependo, necessito, quero, desejo... e por fim aquilo que seja importante para o outro contar!!!

Se a pessoa que esta na minha frente é alguém que gosto ou admiro é porque todo o seu passado e histórias o tornaram assim... não preciso ir reviver o passado, não preciso saber todos os detalhes, não preciso saber mais do que me compete. Desde quando não existe privacidade e momentos só nossos entre duas pessoas que partilham uma imensa intimidade?!?!?!

Mas que mal tem um pequeno segredo... “do teu passado conta só o que for bom”!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 02:07
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
Sexta-feira, 9 de Abril de 2004

Um segundo para mudar

Como mudam os nossos objectivos e prioridades num segundo... normalmente estas situações são acompanhadas por uma revelação, quer seja ela muito boa ou muito má!

É daquelas filosofias baratas que de tempos em tempos me ocorre... “como só damos valor às coisas depois de as perder”!!!

Tanto pode ser uma pessoa... um objecto... um sentimento... e principalmente a saúde!

Vamos seguindo a nossa vida sem parar para pensar em tudo de bom que temos... é mais fácil ficar triste, colocar a culpa em tudo e em todos, mil e um desabafos e queixas. Por vezes não temos em atenção os outros ou mesmo nós próprios!!! Mas assim que algo corre mal é tudo a invocar os seus santinhos.... as rezas.... e as promessas que para a próxima vai ser diferente!

Não tomem as coisas por garantido, agradeçam todos os dias os vossos amigos, companheiros e bem-estar. Não quero com isto que leve uma vida enfadonha... ou que fique todo os dias a pensar que tem alguém sempre com menos do que você, não nada disso! Mas pense que cada dia que passa sem grandes complicações é mais uma conquista.

Sentir a falta de algo pode ser positivo... mas perder algo para sempre pode ser bem negativo!

Não esqueça de lembrar (ou relembrar) aos outros e a si que são importantes!!!

Ps: Isto tudo para deixar um abraço para ti Jorge e que a operação seja um sucesso!

Ensaio do filósofo rafapaim às 13:00
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Quinta-feira, 8 de Abril de 2004

Começou a aquecer!!!

Filosofia Barata de Verão...

Já não existe Primavera nem Outono... é Inverno e Verão!!! Vai começar tudo de novo:

- Menos roupa
- Mais loucura
- Menos juízo
- Mais festas
- Menos frio
- Mais calor
- Menos trabalho
- Mais praia
- Menos complexos
- Mais ginásio

Mas tem de existir uma desvantagem... acho que calor ou frio excessivo é mau (mas mesmo assim prefiro o calor ao frio)... mas o problema é o retorno das moscas, mosquitos, moscardos, varejeiras, melgas, etc., tudo que pica e chupa o sangue?! ehehe!

Mesmo em época de crise os portugueses arranjam jeito de viajar, se não der para o estrangeiro que seja o Algarve!!! Nesta altura fazemos uma pausa na desgraça... pagar 50€ para entrar numa discoteca onde ficou umas 2hs na fila para entrar, foi maltratado por um porteiro, estar num sitio que mal consegue respirar e mexer parece um programa aceitável!!!

A altura onde parecer ser vale mais do que ser... mil e uns romances... uma coisa é certa, anda tudo mais contente nesta altura!!! Sorrisos, bronzeados, e corpos à vista... é os bikinis, os calções, as mini-micro-saias...

Contra-Filosofia: Nove meses a ficar branco e depois em três meses querem que eu fique preto?! Depois já ouvi muita piada de preto nunca de brancos?! E para quem tem de continuar a dar duro... é tudo a suar, é tudo em férias e nós não!!!

Ps: Uma dica fique a trabalhar nesta altura... não gasta as suas férias e como todos os outros estão no Algarve o trabalho será pouco ou nenhum... o país vai parar!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:04
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Quarta-feira, 7 de Abril de 2004

Nem quero saber!

Muito delicado o tema de hoje... já li em alguns blogs, mas também aqui fica a minha filosofia!

O ensaio é sobre o homossexualismo!!! (É tão bom que nem quero provar!)... em primeiro lugar uma pequena distinção!

Se tiver uma casa na Quinta da Marinha, um Ferrari e uma conta com 6 zeros é gay senão é apenas maricas!!! Rico pode ser gay e excêntrico... pobre é maricas e louco!!! Giro não!? ehehe!

É um caminho só de ida... sem volta!!! Tem homossexual que antes de o ser experimentou milhares de mulheres, logo ou mulher cansa e não quero conhecer assim tantas ou então aquilo é que nem vício e não quero ser dependente!

Não tenho nada contra até ao momento em que resolvem engatar tipos normais... ou se identificam, e acho que isso da discriminação anda a diminuir, afinal quantos mais existirem mais mulher desesperada vai ter nesse mundo (porque lésbicas um tipo até aguenta!)

Outra coisa é aqueles tiques todos femininos, vozes esganiçadas e roupas ridículas... ser homossexual não é quer ser uma mulher em corpo de homem!!! Admito que tenho uma certa dificuldade em perceber como se gosta de um ser do mesmo sexo... então homem com homem é ainda pior!!! (corpos peludos e gestos bruscos... horrível!)

Eles são muitos... cada vez mais... nunca voltam... mau não pode ser?!

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:23
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
Terça-feira, 6 de Abril de 2004

Aquele lugar!!!

Todos conhecem um lugar especial…. aquele lugarzinho só deles!!!

Você pode ir a qualquer sítio do mundo, rodar durante horas, procurar tudo e em todo o lado que nunca vai encontrar aquele lugar especial que o seu amigo conhece!!!

Aquele lugar especial… que por ser tão especial é um lugarzinho sempre pequeno pouco famoso e que só os outros conhecem… isto porque se for muito grande ou muito famoso deixa de ser aquele lugarzinho especial e lá aparece outro rapidamente num sítio novo!!! Resultado você quando acha que descobriu o lugar, este já mudou de local!!!

Pode ir ao melhor restaurante da cidade… tudo do bom e do melhor!!! Mas para o seu amigo, você devia ter ido aquele restaurantezinho especial, mesmo lá perto, que você não conhece mas que tem um serviço óptimo e a melhor comida da cidade e arredores!!!

Pode ir ao melhor museu da cidade… com peças raras e únicas!!! Mas para o seu amigo, você devia ter ido aquele lugarzinho especial, um museu pequenino mas com peças fantásticas e de extrema raridade (escusado será dizer que nunca sequer ouviu falar!)

Pode ir à discoteca mais badalada da cidade… com gente linda!!! Mas para o seu amigo, você devia ter ido aquele clubezinho, mais acolhedor, com frequência exclusiva e tão selecto que você nem sequer imagina onde possa ser!

Não sei se é para disfarçar um certo ciúme ou se para causar inveja… mas será que eu nunca dou com o lugarzinho?!?!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:22
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
Segunda-feira, 5 de Abril de 2004

Repete lá isso

Perguntas idiotas… respostas cretinas!!!

Que mania essa de fazer perguntas às quais a resposta é evidente!!! Por vezes sei que é a forma de meter conversa e quebrar aquele gelo inicial… mas existe também aquelas que são feitas na maior das ingenuidades.

Jogo do “faz de conta”:

- rafapaim então tu por aqui? (estou à tua frente logo estou aqui!!!)

- rafapaim então mais uma filosofia barata? (não! Estou aqui para escrever o meu testamento!)

- (no clube de vídeo) Então vens alugar um filme? (não! Venho cortar o cabelo!)

Tenham atenção nas perguntas… depois não se espantem com as respostas!!!

Outra habilidade é a mania de mandar repetir uma frase quando perceberam bem o que foi dito!

Jogo do “faz de conta”:

- Um casal de namorados no meio de uma pequena briga:

Ele: - “és mesmo insensível”
Ela: - “desculpa!!! Repete lá isso!!!”
Ele: - “és a coisa mais lindo do mundo!”
Ela: - “não foi isso não”

Se sabe que não era aquela frase então mandou repetir com que objectivo?! Estes instintos humanos são muito curiosos de observar…

Ensaio do filósofo rafapaim às 16:25
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
Domingo, 4 de Abril de 2004

Parabéns!!!

Hoje é o dia de ouvir as vossas filosofias... peço desculpa!!!...

Hoje é o meu aniversário!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 07:15
link do post | comentar | ver comentários (46) | favorito
Sábado, 3 de Abril de 2004

Corte rente

Hoje começo pelo jogo do “faz de conta”… (esta situação é bem real! Eu sei! Era eu!)

- 06:00 da manhã

- 6 Graus negativos

- Aquecimento desligado

- Água fria

- Sem máquina …

Ter de fazer a barba!!!

Uma filosofia barata sobre este mistério masculino!!! Já ouvi demasiadas vezes mulheres falarem que doloroso é a depilação! Claro que não! Para começar as pernas são bem menos sensíveis que o rosto (se ainda colocar a questão das virilhas eu dou empate!)… pêlos nas pernas crescem em ambos os sexos (na cara também em certos exemplares femininos! ehehe!)… e depois tem mil e uma maneira de fazer!!!

Para nós resta duas… uma para o dia-a-dia, utilizando um aparelho de barbear consegue um efeito bastante aceitável para um dia, mas quando é preciso estar mesmo impecável nada melhor que a Gilette, o corte sai perfeito e mais duradouro!

Mas de novo a situação inicial… resultado três golpes na cara, ardência durante horas e uns intermináveis 10 minutos! Agora imagine que tem homem que precisa de fazer barba todos os dias e até quem tenha de fazer duas vezes ao dia (sempre ouvi esta história do pessoal que esteve na tropa!).

Sejam solidárias com este drama masculino… e depois aquela barba de três dias ainda faz aquele sucesso?!?! E nunca esqueça… não é de mês a mês!!! Por todas estas razões e pelo facto de não ter de fazer depilação eu digo …. Não é fácil ser homem!

Ps: A questão de poder fazer xixi de pé… essa sim é uma vantagem!!! ehehe!

Ensaio do filósofo rafapaim às 02:51
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
Sexta-feira, 2 de Abril de 2004

Conheça o desconhecido

Escrever sobre algo recente no meu mundo...

Algo de novo entrou na minha vida, durante muitos anos passei ao lado desta forma de arte, não porque não gostava mas porque assim como muitas outras coisas não me despertava o interesse!

A filosofia barata de hoje é sobre um dado curioso da nossa mente... como não ligamos a nada até que se torna essencial na nossa vida, nesse instante parece que ouvimos e observamos em todo o lado o que antes era tão invisível!!!

Vivemos fechados numa redoma, acabamos absorvidos com problemas pequenos e rotinas... é preciso algo que desperte a nossa atenção! É claro que tem gente para tudo, uns ligam a um mundo mais artificial outros mais real!!!

A minha novidade é a Dança!!! Entrou faz poucos meses na minha esfera de acção... isto porque conheci gente fabulosa! Tão diferente daquilo que estava acostumado, artista para mim era alguém estranho e que ligava a umas série de coisas esotéricas!

Foi uma surpresa desfazer essa impressão... hoje, e após já ter assistido a uns quantos espectáculos (EDCN, Gulbenkian) ainda continuo a pensar como antes nunca tinha ligado a isto!! É verdade que isto funciona em círculos fechados, tem um núcleo de pessoas que estão sempre presentes e para as quais a cultura aparece assim de mão beijada (depois o espanto de se observar que são sempre os mesmos no poleiro!) mas também por vezes somos nós que nos deixamos cair num estado letárgico!

Aproveite tudo da vida... experimente, viva, lute... conheça e arrisque nem que seja para ter opinião! Não vá em cantigas!!!

Ps: Tive também sorte.... conheci através de gente 5 estrelas (e de 6!!! ehehe!)

Ensaio do filósofo rafapaim às 01:45
link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
Quinta-feira, 1 de Abril de 2004

Dia da Mentira

Parece mentira mas é verdade... hoje é o dia das mentiras?!?!

Outra bela invenção, já não chega o monte de disparates que oiço todos os dias, agora ainda tenho de aturar toda a gente a tentar ter graça e a fazer piadas sobre tudo!!!

Depois ficam admirados de neste dia nada acontecer, todos a desconfiar de tudo... um dia para mentir sem complexos?! Mas vou revelar uma coisa em exclusivo para todos!!!

Eu adoro este dia... nunca digo tantas verdades como hoje!!!

- Sempre falo o que penso... mas por vezes de forma subtil e não ofendendo... agora hoje, digo as maiores atrocidades e comentários sobre tudo e sobre todos nas suas caras. O mais engraçado é que ficam todos a pensar que é mentirinha de 1 de Abril!!!

- Não preciso fazer nada do que falam... porque posso sempre alegar que era uma partida de 1 de Abril, tenho lá culpa que andem muitos engraçadinhos nesse mundo!

- Tentar descobrir qual a notícia falsa dos jornais... é sempre giro e às vezes bem que podiam ser verdade!!!

Um dia em que qualquer filosofia barata ganha maior destaque!!! Hoje vale quase tudo, um monte de adultos a agirem que nem miúdos (o que até é bastante saudável!) mas não em dia e hora marcada!!!

As grandes rasteiras nunca acontecem neste dia... já sabem que hoje entra também em vigor a nova lei que obriga os condutores a terem nos seus veículos um colete reflector!!!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:39
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31