.Filosofias Recentes

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

. Onde você mora?

.Filosofias Passadas

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Sábado, 10 de Março de 2012

Silk

" Não tenho nada de novo ou revelador para te contar... apenas (e não é nada apenas!!!) gosto de falar contigo... sinto-me mais próxima de mim... próxima daquilo em que acredito! Hoje lembrei-me tantas vezes de um dos teus sorrisos (e que ontem "fotografei"): tão seguro e feliz, tranquilo e sincero... para mim!!!

 

E sorrio também...  feliz por partilhar, feliz por pertencer, feliz por poder respirar junto de ti... (feliz por te rires de mim, quando me babo para o teu ombro... bolas, isto é partilha... sem pudor... sem medo! Ainda que o sono e cansaço também ajudem ao quadro de descontracção total).

 

Esta noite ouvi-te ressonar (levemente, mas roncopatia com certeza!!!)... sorri e pensei: "só quem partillha o sono com ele saberá..." senti-me especial... por te entregares a mim...

 

Mas quem pode sentir alegria e plenitude quando o namorado ressona ao seu lado? E fiquei assim, durante breves minutos (ou talvez segundos) a contar a tua respiração, a sentir o teu corpo em mim... quis, por momentos, que o tempo parasse ali... naquele momento... perfeito! Mas porquê contentar-me só com aquele momento de felicidade? Se eu quero mais... se te quero a olhar e a sentir comigo... se nos quero a "amar de olhos abertos"...

 

Então deixei que o sono me roubasse de ti por mais algumas horas e adormeci de novo... sabia que te iria encontar pela manhã e que nunca um acordar seria tão doce... abri os olhos e lá estavas tu: olhos abertos, com grandes pestanas e aquele sorriso... que adoro desde a primeira noite... em "lisboa à noite"...

 

A vida é feita de coisas simples e pormenores... assim como os grandes amores! "

Ensaio do filósofo rafapaim às 15:03
link do post | comentar | favorito

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31