.Filosofias Recentes

. Find Me

. Outro reinício ...

. 5 sentidos...

. Calma! Está tudo perfeita...

. É desta vez...

. Desperdício

. Indiferenças

. Certezas!

. Perspectivas…

. A dor do amor

. Também é amizade

. A vida segue!

. Livro dos Loucos

. Basta o essencial

. Redes Sociais

. Eu no meu papel

. Indian Piggy

. Anonimamente ela...

. Voltou a acontecer

. Eu quero ser o teu proble...

. The Space Between

. o quatro do quatro a uma ...

. Sutilmente

. Deus está aqui

. Semelhanças...

.Filosofias Passadas

. Agosto 2017

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Março 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Abril 2013

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

Sexta-feira, 19 de Março de 2004

Infiel

E que tal filosofar sobre amores… é dos temas sempre mais polémicos!

Em relação ao amor toda a gente tem a sua opinião… uns mais românticos e sonhadores… uns mais racionais e frios!!!

Mas hoje o ensaio vai ser sobre o lado escuro do amor: - Filosofia Barata sobre Traição!

Enquanto homem, esta situação é mais difícil de encarar… a sociedade programou os homens para reagirem mal a este incidente (macho que é macho! Homem com H grande!) mata o amante e dá uma carga de porrada na mulher! Só assim pode limpar o seu nome (a honra!)!!! Ser corno já é mau… agora corno manso é pior!!!

Enquanto mulher a situação é mais fácil de encarar… uma boa briga, uns quantos objectos atirados na nossa direcção (não falo por experiência própria!) e, ou acaba a relação, ou por vezes o perdão! Sim, mulher traída e homem mostrando arrependimento (com desculpas baratas) acaba muita vez nisso!

Se o homem fica com a mesma mulher é motivo de gozo… mas ao contrário é sinal de grandeza!

Mas a filosofia incide mesmo sobre o “outro”… ficamos sempre a odiar, detestar, muito zangados, irritados… quase ao ponto de querer matar o “outro”!!! Mas que culpa tem?!? Quem nos deve fidelidade é o nosso companheiro(a), foi ele que nos fez juras de amor eterno… que nos prometeu mundos e fundos… o “outro” aparece de surpresa na história!

Pode pressionar, e se for nosso amigo então é para riscar da lista… mas por vezes é um terceiro elemento que não esta por dentro da situação… mas mais uma vez, mesmo que saiba de tudo, não é nessa pessoa que depositamos a nossa confiança (era o nosso “amor” que tinha de responder NÃO!)

Se continuarem a matar todos os amantes das vossas esposas, qualquer dia ficam sem amigos! ehehe!

Ensaio do filósofo rafapaim às 00:32
link do post | comentar | favorito
46 comentários:
De rafapaim a 21 de Março de 2004 às 15:31
Maria C. ... nem mais... respeitar sempre o próximo!
De Maria C. a 21 de Março de 2004 às 13:05
E uma prova a nos proprios!!! Claro que e respeito! Acho que se tem de ter respeito sempre, nao so quando namoramos...! BEIJO da tua .....inha!!!
De rafapaim a 20 de Março de 2004 às 17:48
malukita... isto esta a dar uns problemas!!! Estou noutro pc e isto parece pior que o teu!
De malukita a 20 de Março de 2004 às 17:43
Tou te esperando rafa!!!
Bora pó msn...
*muah*
De rafapaim a 20 de Março de 2004 às 17:38
uma qualquer... a traição passa por um processo mental e físico!!! Quer seja por motivos de querer estar ocm outra pessoa ou mesmo que seja só por divertimento!!! Que as coisas se simplifiquem para você!!!
De rafapaim a 20 de Março de 2004 às 17:36
malukita... depois de saber o que ias fazer vou a correr ligar o msn!!! Não quero que apareça aqui um pessoal a querer estragar este rostinho lindo de "filósofo"!!
De rafapaim a 20 de Março de 2004 às 17:34
mordaz... que grande verdade!!!
De rafapaim a 20 de Março de 2004 às 17:34
Lota... muito obrigado!!! Volta sempre!!!
De rafapaim a 20 de Março de 2004 às 17:33
Lota... realmente homem que bate na mulher é um fraco!!! Mas tem gente a pensar que só assim são machos... são é ignorantes!!!
De Uma qualquer a 20 de Março de 2004 às 16:07
Traição é algo tão complicado!!! Já a vivi de várias formas e a verdade é que é algo em que penso diariamente. Porque tenho razões para isso, obviamente!!! Fui traída enquanto casada, já lá vão bastantes anos. Lembro-me que o que mais me doeu foi saber que ele gostava mesmo dela, que não era apenas algo físico... Culpei-a, chamei-lhe os piores nomes possíveis, achava que era a responsável por se meter com um homem que era casado. Agora, sei que a culpa foi de um casamento de não se estava a aguentar muito bem. Na altura consegui "reconquistar" o meu marido e aguentar o casamento mais alguns anos. Admito, hoje, que foi um enorme erro, devia tê-lo deixado ir... mas o meu orgulho nunca o permitiria. Teria sido muito melhor para os dois, não tenho dúvidas nenhumas!! Passei vários anos com esse "fantasma" na minha cabeça, por muito bem que as coisas parecessem estar. Hoje, vivo uma situação em que estou do outro lado. Uma situação que nenhum dos dois procurou, mas que existe há cerca de dois anos. Ele é casado, com um casamento feliz, mas aconteceu-lhe o que nunca esperou: apaixonar-se por outra mulher. A verdade é que tem sabido manter o bom senso de não deixar as coisas chegar a um ponto onde não seria possível voltar para trás. Todos os dias diz que me ama, mas nunca me tocou... e bem sei o quanto por vezes isso lhe custa. E a mim. Acha ele que assim não está a trair a mulher. Eu acho que ainda trai mais que ao dar uma "volta" com uma qualquer, apenas pelo prazer físico. Será que traição só existe quando se faz amor com outro e não apenas sexo? Pensar noutra pessoa ao longo do dia, não é traição? É algo muito complicado, acreditem...

Comentar post

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
31